Taj Mahal- o mais belo monumento do mundo

Você pode até esperar da India muito além de Palácios, fortes e mausoléus. Não importa qual a razão que te levou até lá,  nenhuma primeira visita a India está completa sem o Taj Mahal. Ele é tudo aquilo que você espera, tudo aquilo que dizem, tudo aquilo que as fotos revelam e um pouco mais.

P1050351

Isso quem vos fala é uma pessoa que curtiu muito mais “fazer nada” na India, jogar conversa fora com as pessoas, observar a maneira de viver dos nativos à visitar monumentos, igrejas, etc. O turismo ‘tradiconal”  foi o que menos me agradou no país. Mas isso não inclui o Taj Mahal.  A expectativa era alta e não fiz questão de mudar isso. Sabia que não iria me decepcionar. E estava certa. Já no caminho da estação de trem ao bairro Tajganj ,onde nos hospedamos, deu para sentir um gostinho do que nos esperava.

IMG_3758

Ao chegar no albergue, uma surpresa no terraço. O Taj Mahal todo exibido para nós, em meio a uma favelinha que em nada estragou o momento de vê-lo assim, tão pertinho pela primeira vez.

IMG_3759

Ele tem algumas entradas, mas a principal é a do lado oeste. É perto deste portão que estão a maioria dos hotéis econômicos de Agra e é ali que fica o vucovuco de turistas e espertinhos querendo nos fazer de bobo. Foi por ali que entramos. Aliás, os portões do Taj Mahal já são uma atração! Não passe batido neles.

P1050319

O ingresso custa 750 rúpias, muito caro para os padrões indianos., mas lógico que vale cada centavo. Obviamente os indianos pagam muito menos que isso. Ele fecha às sextas, então lembre-se disso ao programar sua viagem. O Taj Mahal é o mausoléu que o imperador Shah Jahan mandou construir para sua esposa, Aryumand Banu Begam. Muita gente o associa ao hinduísmo, mas o Taj Mahal é uma típica construção islamica.

taj

De perto, ele nos pareceu ainda mais lindo, maior, mais imponente. Ficamos horas, horas e horas olhando, fotografando, andando em volta. É sempre um momento especial ver algo tão icônico como o Taj Mahal ao vivo.

tajmahal

As tumbas que ficam na parte interna do mausoléu para visitação são uma réplica. Em tese não se pode tirar foto dentro do local, mas não foi o que mais vimos. Uns guardinhas ficam no local com seus apitos a cada flash, e as pessoas não respeitam, são muitos apitos por segundo e muitos flashes também. É muito cheio lá dentro, é bom ter cuidado com a bolsa pore fica até um certo empurra empurra.

tajinterior

Além do mausoléu e dos portões, não se esqueça de dar uma atenção à mesquita que fica ao lado do Taj Mahal, e que é usada para as rezas todas as sextas. Ela é interessante e bem bonita, seguindo a mesma arquitetura marcante islamcia.

tajmesquita

Você pode chegar para ver o nascer do sol no Taj e escapar dos grupos que vem a Agra num bate e volta de Delhi. Lembre-se que no inverno a neblina pode dificultar a visão a esta hora. Nós chegamos super cedo na cidade mas perdemos o nascer do sol. Acho que mais bonito é o por do sol, que pode ser visto de  3 lugares interessantes: o Forte de Agra(de onde vimos), de trás do Taj, onde dizem que se tem a visão mais bonita ou de algum terraço de restaurante/hotel. O  nosso plano era ir ao Forte de Agra e depois partir para a parte de trás do Taj Mahal onde passa um rio e a vista é linda, mas não deu tempo.Tivemos que nos contentar com a vista do Forte, que com a ajuda de um zoom não é tão mal.

tajamahaldoagrafort

Detesto correria e preferi fazer as coisas com calma, e não me arrependo. Mas confesso que mesmo detestando Agra, eu sai com a sensação que deveria ter ficado mais um dia.

tajmahla5

Com 2 dias em Agra poderíamos voltar ao Taj Mahal com menos gente bem cedinho, ir a Fatehpur Sikri e ver o por do sol na parte de trás onde passa o rio. E é por isso que eu recomedaria 2 dias na cidade. Mesmo reforçando o coro que Agra não é a cidade mais interessante da India, nela está o Taj Mahal. Um lugar que de tão lindo merece ser visto mais de uma vez.

Facebooktwittergoogle_plusmail

lilistahr

Uma capixaba morando em Londres há mais de 12 anos, e apaixonada pela capital britânica. Viciada em viagem, com uma queda por praias paradísiacas e destinos menos óbvios. Para saber mais clique no "sobre" e escolha "sobre mim" na barra superior.

12 comentários em “Taj Mahal- o mais belo monumento do mundo

  • março 5, 2013 a 2:17 pm
    Permalink

    lindas fotos, lindo palácio, imagino que vcs curtiram muito essa visita, bjs

    Responder
  • junho 9, 2013 a 8:52 pm
    Permalink

    É A ARQUITETURA DE UM GÊNIO, COM OS RECURSOS DA ÉPOCA CONSTRUIRÃO O QUE HOJE NEM DE LONGE CONSEGUEM CONSTRUIR.

    Responder
  • setembro 18, 2013 a 4:15 am
    Permalink

    Olá ! amei as fotos. Qual é a melhor época para se visitar Agra? As passagens são mais baratas em um determinado período?

    Responder
    • setembro 18, 2013 a 6:53 am
      Permalink

      Luiza, acho que na baixa temporada as passagens aéreas baixam sim. Os preços dos hotéis baixam bastante, mas eu jamais visitaria a India no auge do calor, que é a baixa temporada. Dizem que é insuportavelmente quente e também chove bastante. Fomos em novembro e amamos. Acho que dezembro tb deve ser bom, mas um pouco mais frio no norte.

      Responder
  • janeiro 9, 2015 a 9:28 am
    Permalink

    Conheço gente que não viu nada de mais no Taj, acredita? Fico pensado: “que falta de sensibilidade” rsrs
    Eu até chorei ahah…
    Ótimo site 😉

    Responder
    • janeiro 9, 2015 a 5:55 pm
      Permalink

      Não consigo entender como alguém pode não ver nada demais no Taj. Realmente, precisa de óculos! Obrigada

      Responder
  • Pingback: 5 razões para visitar cidades “exóticas” ou pouco conhecidas | Catálogo de viagens

  • janeiro 13, 2017 a 1:23 pm
    Permalink

    olá estou tentando achar em blogs sobre os ingressos do Taj mahal. Voce disse que foi 750 rupias mas isso da direito a que? vc comprou la mesmo ou online?
    Esse de 750 posso entrar no taj e andar pelo jardim?

    Obrigada

    Responder
    • janeiro 18, 2017 a 4:17 pm
      Permalink

      750, em 2012, nos deu direito a acessar tudo: o Taj Mahal e jardins.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.