Backwaters do Kerala- a casa barco

Já falei no post anterior como foi nossa experiência nas backwaters do Kerala, e contei que há tem várias opções para explorar a região. Das várias, nós escolhemos passar um dia na casa barco. Os viajantes mais roots devem achar uma completa maluquice, pois é um dos poucos momentos que tivemos na India de não ter muito contato direto com as pessoas e ter um pouco de privacidade. Pode parecer absurdo para quem não foi a India, mas quem já foi sabe o valor que um minuto de tranquilidade pode ter. Eu acho que deve ser bom demais também passar um dia numa canoinha descendo aqui e ali e vendo a vida nas backwaters mais de perto, mas naquele momento da nossa viagem, tudo que queríamos era um pouco de conforto. Vou contar aqui o que você precisa saber para alugar uma casa barco. Procurei muito informações online antes de chegar no Kerala, mas não achei nada concreto. Só gente elogiando ou criticando, mas ninguém e nada dizendo o que quem quer passar um dia numa casa barco deve fazer e observar.

casabarcocapitao

Primeiro de tudo,vale a pena? Foi a acomodação mais cara de toda a nossa viagem pelo Subcontinente indiano, em compensação é mais barato do que uma noite num hotel Ibis no centro de Londres, por exemplo. E com direito a todas as refeições e bebidas não alcóolicas, toda a mordomia que merecíamos no final de uma viagem a India. Portanto não tem nem o que falar, vale muito a pena!

casabarcokerala

O que precisa ser observado, e combinado, antes? Uma boa casa barco deve ter ar condicionado. A região é sempre muito quente e o lugar é cheio de verde. Não preciso dizer que tem muito mosquito, portanto o ar condicionado fez toda a diferença para dormirmos bem. Combinar o que você quer comer antes é outra coisa importante. Eles nos deram 3 opções de menu base: frango, vegetariano ou peixe. Pedimos peixe e estava tudo tão delicioso e fresco que recomendo. Combinar a rota é outra regra. Quanto mais o barco puder navegar por canais menores, melhor. Peça para te mostrar num mapa o roteiro. Quanto mais aberto/largo for o canal, mais sem graça. Caso você tenha reservado antes, deixe claro que o transporte até a beira do canal onde está o barco deve estar incluso no preço. O barco é caro demais e pagar uma corrida de tuk tuk é o mínimo que um dono de barco pode fazer por você, que provavelmente vai pagar um pouco a mais para ter feito uma reserva ao invés de negociar ao vivo. Se quiser bebida alcóolica, avise também. E caso eles já tenham no barco, pergunte o preço antes. No nosso barco o cara foi gentil o suficiente para sair conosco numa vendinha, o que significa que pagamos 3 x menos pois compramos a nossa cerveja e ele colocou para gelar no barco. Nós pagamos um pouco a mais para termos um barco com deck. E foi realmente vantajoso. Não saímos do deck durante o dia! Outra coisa importassíma é combinar o horario de chegada e partida. Geralmente os barcos saem ao meio dia e voltam as 11 da manhã do dia seguinte. O nosso saiu 1 hora atrasado, e nós fomos chatos o suficiente para reclamar a nossa hora. Só chegamos ao meio dia, afinal é o certo! Geralmente o pagamento do barco é feito antes, então nem preciso dizer que o preço deve ser combinado e negociado 15 x. Aquele mesmo esquema indiano. Tudo que for muito importante para você deve ser combinado antes e se possível, testado antes do barco sair. Por exemplo, a nossa TV não funcionava muito bem. Não nos importamos nem um pouco, mas se fosse importante estaríamos lascados. Mas o ar condicionado eu fiz questão de ligar assim que entramos no barco, assim como procurei pelo papel higiênicop(item de luxo ,rs) ainda com o dono do barco dentro dele. Olhei tudo que me interessava antes de sair. Se não estiver satisfeito, fale antes do barco começar a navegar! Enfim, pergunte mil vezes se achar necessário, porque indiano é esperto demais nas negociações, então não custa nada perguntar de novo e de novo.

casa barco deck

É preciso reservar antes? Quais as vantagens? Não é preciso. Nós reservamos, sem pagar, o nosso barco logo no aeroporto, numa barraquinha do governo do Kerala. Não tivemos a encheção de ter que negociar, e como queríamos aproveitar aquele momento relax , qualquer negociação indiana a menos era lucro. Eu já tinha uma idéia do preço pelo que li online e no Lonely Planet, e o preço não fugia muito do que eu tinha visto.Também acordamos e saimos de Kochi para Alleppey já sabendo a hora do barco, com alguém nos aguardando onde o ônibus nos deixou, sem ter que acordar mais cedo para achar o lugar, e procurar um barco e passar por todo o processo de negociação. Honestamente, pagamos a mais por isso. Mas não me importei. Chegando lá eu vi que existe um local com preços tabelados, e consequentemente sem a chatice de ter que barganhar. Logicamente os preços eram mais baixos do que pagamos. Na verdade não era assim super mais barato e não sei como era o barco, mas acho que vale a pena deixar para ver o barco lá mesmo. Você provavelmente vai ter que chegar antes do meio dia para não perder o tempo do barco negociando e procurando, mas se você quer economizar tudo que o puder mas ainda quer passar um dia numa casa barco pode valer o esforço.

casabarcoquarto

Quanto custa? O nosso custou 7500 rúpias. Vimos um barco de um quarto sem deck por 6500 rúpias no local com preços tabelados. Uma loucura para quem está viajando no esquema economico como nós. Mas viagem é um prazer, e por isso mesmo eu sempre me dou um luxo, e esta casa barco foi nosso luxo na India. Que custou por volta de 80 libras, o que é muito pouco para ter luxo.

P1060432

Nós deixamos uma boa gorjeta para o capitão e o cozinheiro, porque eles foram fofos conosco. Acho que mais que uma questão de ser certo ou não dar gorjeta, é uma questão de bom senso se você foi bem tratado já que é bem possível que esses funcionários recebam menos do que merecem. Sem contar que mesmo todo mundo dizendo que tudo era muito barato na India eu esperava que não fosse tão barato assim. Esperava algo como a Tailândia, que é barata sim mas caríssima se comparada a outros locais da Asia. Então faz valer mais a pena ainda, já que o que se gasta no resto da India é tão pouco.

P1060527

Sei que muita gente acha esse um passeio super turístico e acha até um absurdo pagar o alto preço para ter essa experiência, mas como também somos turistas, não temos medo nem intenção de fugir deles o tempo todo. Turistas muitas vezes acertam nas suas escolhas. E essa é uma delas!

Facebooktwittergoogle_plusmail

lilistahr

Uma capixaba morando em Londres há mais de 12 anos, e apaixonada pela capital britânica. Viciada em viagem, com uma queda por praias paradísiacas e destinos menos óbvios. Para saber mais clique no "sobre" e escolha "sobre mim" na barra superior.

Um comentário em “Backwaters do Kerala- a casa barco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *