Taytay- dicas práticas

Por que Taytay?

Ninguém entendeu muito bem porque fomos para lá. Todo mundo perguntava: mas por que Taytay? Lá é tão parado, não tem nada além do forte. E foi por isso mesmo que resolvemos ir para lá. Sabíamos que dava para fazer um passeio de barco pelas ilhas partindo da cidade, e sabiamos que o turismo era fraco, ou seja uma boa oportunidade para viver um pouco mais de vida real filipina. Exatamente o oposto do que nos esperava em El Nido! Vejam bem, no Arquipélago de Bacuit proximo ao El Nido estão as praias mais lindas que eu já vi na vida mas é um lugar mais preparado para o turismo onde a interação com os nativos é mais dificil e queríamos ter um pouco dos dois.

Taytay sinal

Transporte

Decidimos parar em Taytay para quebrar a viagem longa de van de Puerto Princesa até El Nido. Existem algumas opções de transporte até lá, e dificilmente dura menos de 6 horas. Até Taytay foram 4 hrs e 1/2 de van. Saimos muito cedo de Puerto Princesa mas a van nos enrolou demais do horário que nos pegou no hotel até sair e chegamos em Taytay no comecinho da tarde.

Acomodação

Não tinhamos hotel reservado, mas anotei o nome de uma pousada e foi a que o motorista de tuktuk que nos pegou no terminal de onibus sugeriu também. A Casa Rosa era tudo que lemos nos reviews; linda, aconchegante, rustica , serviço impecável, vista linda. Me senti em casa imediatamente!

casa rosa taytay 3

Pensavamos em pagar no máximo mil pesos, mas o unico quarto disponivel custava 1490. Pechincamos mas eles foram irredutíveis e resolvemos ficar mesmo assim, a pousada era muito bacana para deixar passar(por menos de 34 dolares pelo chalé). O hotel foi determinante na nossa estadia!

casa rosa taytay

Precisávamos de um pouco de “gramour rural”(HIHIHI) antes da nossa viagem de barco sem conforto. Sem contar que o passeio de barco que fizemos foi para 2 ilhas particulares do dono da Casa Rosa, então dificilmente teríamos feito isso ficando em outro hotel. Já pensou acordar com essa vista?

taytay forte Santa Izabel 2

Forte de Santa Izabel

O forte de Santa Izabel é a grande atração da cidade. Sua construção durou 71 anos de 1667 à 1738, quando foi inaugurado, na época da ocupação espanhola. O forte naturalmente proporciona uma bela vista(não tão linda quanto a da Casa Rosa) e cobra miseros 15 pesos por pessoa.

Forte Santa Izabel Taytay

De lá se vê muito bem o sinal a la Hollywood de Taytay. Dentro do forte tem uma capela, e em 30 minutos se vê o forte todo. No dia que fomos só vimos um outro grupo além de nós, então a paz é garantida.

Forte Santa Izabel

Valeu a pena?

Sim, e muito! No próximo post vou contar tudo sobre o passeio que fizemos pelas duas ilhas privadas, mas fora isso Taytay é um lugar onde vimos vida real filipina como queríamos. Descasamos bastante, fizemos tudo sem pressa, e ainda quebramos a viagem chata até El Nido no meio. Pudemos conversar com os nativos, ver um pouco da calmaria de uma vila na ilha de Palawan. Foi muito bom e eu recomendo bastante. Um parênteses para algo que será uma piada eterna para nós dois. ”Sorri para foto” , foi o que pedimos para as duas garotinhas. A de amarelo tinha o sorriso mais lindo do mundo, mas diante do nosso pedido ela fez tanta força para rir que quem acabou rindo muito fomos nós. Não conseguiamos parar e toda vez que alguém me pedir para sorrir para foto eu vou me lembrar dela. Coisa mais fofa, né?

Taytay

Mas como disse no post de Puerto Princesa, uma cidade com pouca atração requer uma hospedagem mais especial, confortável e de bom atedimento, já que provavelmente você terá tempo sobrando e consequentemente ficará mais tempo no hotel. A casa rosa foi fundamental para termos gostado de ficar em Taytay. Acordar e dormir com o barulho dos bichos, aquela vista linda, o silencio, a cama gostosa, a varanda, assistir o sol se por no restaurante do hotel, tudo sem pressa e nosso tempo, que delicia! Recomendo mil vezes! Como disse no post do roteiro da viagem, tinhamos a opção de ficar em Port Barton também. Acho que lá deve ser um pouco mais turistico, mas ainda bem calmo, e tem praia boa, coisa que Taytay não tem. Era fora de mão para nós, e como já iamos ficar em El Nido e ter 5 dias em ilhas paradísiacas e remotas, achamos que não valia o sacrifício mudar o caminho para chegar lá, mas deve valer a pena também.

Quer fica em Taytay também?

Então reserve pelo Booking clicando aqui ou use a caixa de busca abaixo!

Facebooktwittergoogle_plusmail

lilistahr

Uma capixaba morando em Londres há mais de 12 anos, e apaixonada pela capital britânica. Viciada em viagem, com uma queda por praias paradísiacas e destinos menos óbvios. Para saber mais clique no "sobre" e escolha "sobre mim" na barra superior.

9 comentários em “Taytay- dicas práticas

  • Pingback: O sonho da ilha deserta é possível (e barato) nas Filipinas! | Catálogo de viagens

  • Pingback: El Nido: tudo que você precisa saber | Catálogo de viagens

  • dezembro 26, 2014 a 6:34 pm
    Permalink

    Olá, tudo bem?
    Estou pensando em ir para El Nido e me interessei muito em parar uns dias TayTay.
    É fácil pegar uma van/onibus de Puerto Princesa para TayTay? E de TayTay para El Nido?
    Quantos dias você recomendaria em cada um dos destinos (TayTay e El Nido)?

    Muito obrigado!
    Grande abraço,

    Responder
    • dezembro 27, 2014 a 3:34 pm
      Permalink

      Caio, praticamente todos as vans que vão à EL Nido passam em Taytay antes, por isso mesmo nós escolhemos fazer essa paradinha estratégica quebrando a viagem ao meio, deixando o caminho menos cansativo. Voce pode pegar em Taytay as mesmas vans que saem de Puerto Princesa e vão à El Nido quando estiver lá. Eu recomendo um dia só em Taytay, como nós fizemos. Como contei no post, nosso esquemo foi chegar no começo da tarde em Taytay, nos instalar, ver o forte e reservar o passeio para o dia seguinte. No dia seguinte fizemos o passeio para as ilhas, e assim que chegamos só tomamos um banho e fomos para El Nido. Chegamos à noite em El Nido, mas como o hotel já estava reservado foi tranquilo. Se você se interessar pode ficar mais tempo numa ilha deserta só para vc também, ai acho que vale ficar mais um dia. Caso contrário, fazer como nós é o bastante pois Taytay não tem nada. Olha esse post tb: http://catalogodeviagens.net/2014/03/27/o-sonho-da-ilha-deserta-e-possivel-e-barato-nas-filipinas/
      Abs

      Responder
  • janeiro 19, 2015 a 8:08 pm
    Permalink

    Adorei o post!
    Se optarmos por parar em Taytay, é necessário reservar a Casa rosa antes ou não?

    obrigada!
    Parabéns pelo blog!

    Responder
    • janeiro 19, 2015 a 8:15 pm
      Permalink

      Fomos lá na alta temporada e conseguimos um quarto mesmo sem reserva. Não pegamos o quarto mais barato, que é o que queríamos, mas também não foi super caro e valeu bem a pena. Mas eu não reservei simplesmente porque quis ter a liberdade de decidir algumas partes do roteiro lá. Mas se você tem certeza que quer ir e ficar lá, se não quer perder a chance de jeito nenhum, então reserve. Ao vivo sempre tem a possibilidade de um desconto, como nós conseguimos. Mas sem reserva você corre o risco de chegar lá e não conseguir um quarto. A pousada é pequena e qualquer grupo maior deve esgotar as vagas. Obrigada!

      Responder
  • janeiro 13, 2016 a 12:36 pm
    Permalink

    Oi Lili Tudo bem?

    Parabéns pelo Blog, com certeza ajuda muita gente, além de que você escreve de uma forma muito boa.

    Feliz também por saber que morou em Vila Velha, moro em VV e gosto muito.

    Eu e meu marido estamos programando uma viagem para inicio de 2017. A idéia é ficar uns 45 dias viajando. Nosso roteiro a principio é: Bora Bora – Filipinas – Vietnã – Camboja – Tailândia – Mianmar – Sri Lanka – Maldivas.

    A idéia é ficar de 7 a 5 noites nas Filipinas e pelo que li o lugar seria El Nido (mesmo porque será um curto tempo e não teremos tempo de rodar muito) como estaremos vindo de outro país é provável que q gente chegue em Manila.

    Gostaria de umas dicas. Ainda não sei o horário que chegaremos em Manila, mas acha que vale a pena ficarmos la para conhecer?

    A idéia era tentar ir logo para Porto Princesa ou direto para El Nido (mas vi que de avião alem de caro o peso da bagagem é apenas 10KG). Lendo seu blog vi que talvez podemos passar uma noite em Taytay.

    Bom ja agradeço e pelo que vi vou precisar de outras dicas, já que alguns lugares que vamos você já foi rsrs.

    Abraço

    Marcia

    Responder
    • fevereiro 23, 2016 a 6:10 pm
      Permalink

      Marcia,
      Com tão pouco tempo, eu iria direto para El Nido. Porque é preciso contar o tempo de deslocamento também. Voce vai gastar quase um dia para ir e voltar de El Nido a Manila facilmente. Isso porque de Manila a Puerto Princesa o voo vai durar nao mais que 1 hora e meia, mas o tempo na van até El Nido, pode colocar pelo menos 10 horas no total: voo+ tempo de atencedencia do check in, mas van até El Nido. É um dia quase perdido. Então nao digo que Manila nao vale a pena, mas acho que com pouco tempo é preciso escolher. Nós ficamos em Taytay para quebrar a viagem, leia aqui nos outros posts sobre. Mas tem outras opções também. 7 dias só em El Nido eu acho muito. 3 ou 4 dias está de bom tamanho. Mas em Palawan tem muito pra ver, entao com 7 dias dá para ir a El Nido e talvez outra praia no caminho. Ou até ficar em Puerto Princesa e fazer os passeios por la. Dá uma lida nos demais posts sobre as Filipinas aqui http://catalogodeviagens.net/category/asia/filipinas/

      Responder
  • fevereiro 23, 2016 a 10:58 pm
    Permalink

    Obrigada, vou olhar os outros posts e montar o roteiro.

    Abraço

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.