Ilhas Itatiaia em Vila Velha- ES

Que o nosso país é um dos paises mais lindos do mundo, ninguém duvida. Mas confesso que tenho um “tique”muito chato hoje em dia quando vou ao Brasil; analiso os lugares com uma visão de nativa e turista ao mesmo tempo. Então ao mesmo que eu babo e morro de saudade, fico pensando em várias coisas que poderiam existir para melhor o turismo das cidades! E aí que tem uma coisa que eu sempre penso quando vou à praias brasucas. Cadê os mil passeios de barcos disponíveis para turistas que estavam aqui? Ok, várias praias brasileiras oferecem passeios de escuna e barco,  mas com uma costa daquele tamanho, toda e qualquer cidade com mar deveria ter um menu bem extenso desses passeios para os turistas! Com direito a explorar corais, passear pelas ilhas próximas, ver por do sol ou nascer do sol no mar, expedição de pescaria, enfim, são muitos passeios possíveis para serem oferecidos em qualquer praia do Brasil!

ilhas itatiaia (10)

Vá a qualquer ilhota grega e você verá isso, então por que nós também não podemos ter, se as nossa beleza natural não deve em nada a outros paises? Vitória por exemplo, oferece um passeio de escuna, dependendo da quantidade de pessoas, do tempo, etc(leia mais sobre aqui neste post). Mas pelo visto isso tem mudado com o tempo. E por isso, fui conhecer uma ilha linda, bem na frente da praia onde cresci. Olha o tamanho da vergonha: morei 24 anos ali, meu avô é pescador, meu pai já teve barco de pesca e cresci na praia chamada colonia dos pescadores. Mas só tinha passado pelo complexo de ilhas de barco, nunca parei para ficar. Só que  desta vez resolvi mudar isso. E quero contar para vocês como foi!

ilhas itatiaia (9)

Primeiro de tudo, não tem telefone, não tem website, não tem celular. O sistem de reserva é orgânico, minha gente! E funciona assim, vá ate a colônia dos pescadores de Itapuã, em Vila Velha. Perguntando na rua, todo mundo sabe onde é, mas fica bem próximo de uma curva na praia de Itapuã, você vai ver vários barcos e pescadores vendendo seus peixes. Você precisa perguntar ao pescador se naquele dia algum barco sai para levar para as ilhas.

ilhas itatiaia

O clima, vento, maré etc pode impossibilitar o passeio, como aconteceu comigo um dia, então o melhor é perguntar um dia antes ou no dia mesmo. O pescador vai te levar para qualquer ilha que você quiser, mas nós fomos a uma das ilhas Itatiaia, conhecida como Boqueirão. A outra ilha é a Pituã, bem próxima a praia e dá até para ir a nado, mas tem que se garantir porque a corrente é forte. Há quem vá de Sup, o que deve ser tranquilo. Os pescadores levam até na Pituã também. É uma ilha menorzinha por isso acho o Boqueirão melhor para esse tipo de visita.

O pescador levou a gente no muque, nada de barco a motor, foi no remo mesmo! Vimos gente chegando até o Boqueirão de Sup, o que eu acho que só quem conhece a área deve fazer. E a viagem durou 15 minutos e custou 25 reais por pessoa ida e volta. Ele nos deixou lá e nos buscou quando ligamos. Não tem nada na ilha, então recomendo levar uma agua, protetor, barraca, cadeira ou canga e alguma coisa para comer caso queiram. Mas a ilha é linda! E tem vegetação, urubu e garça para todo o lado, e várias mini praias e piscinas naturais.

ilhas itatiaia (11)

Passamos pouco mais de 2 horas lá e foi suficiente. Mas honestamente, se tivéssemos levado comida, agua e barraca teríamos ficado mais tempo, pois é como ficar numa praia, só que com pouca gente, ou ninguém dependendo do dia. A ilha tem ficado cada vez mais popular, mas acredito que fora do verão a chance de chegar lá e ter o Boqueirão só para você é grande.

ilhas itatiaia (12)

Talvez se tivesse levado um snorkel ou máscaras de mergulho teria aproveitado para ver mais peixes, que tem em abundância por lá.

ilhas itatiaia (8)

Agora o problema, porque nada na vida é perfeito. A capitania dos portos tem lá suas chatices e vive numa briga de pode e não pode, libera e não libera, o que significa que muitas vezes o desembarque de passageiros nessas ilhas é “proibido”.  Proibido entre aspas porque é aquele proibido que todo mundo faz. Quando fui, não estava liberado, mas os pescadores fazem assim mesmo.

Eu raramente indico esse tipo de coisa no blog, sou dessas pessoas chatas que segue regras mas morei a vida toda por lá, e sei da vida desses pescadores e das enjoâncias da capitania. Sei que muitas dessas regras só favorecem quem realmente não precisa desse tipo de trabalho, portanto eu resolvi indicar esse passeio aqui contrariando o meu lema de seguir as regras sempre. Porque o principal, que é respeito pela natureza, cuidado com o meio ambiente e total intimidade com o mar e a região, os pescadores tem. E eu acho que Vitória e a população que vive ha anos ali, merece esse tipo de evolução! Então recomendo. Fizemos o passeio com o Robson, genro do Zé Boião e indico bastante. Eles são conhecidos por ali.

E olha, nos divertimos tanto que quero pegar uma praia no Boqueirão toda vez que voltar a minha terra natal!

Colonia dos pescadores de Itapuã- Vila Velha

Ilhas Itatiaia

UPDATE: A pedidos, vou colocar algumas informações e acrescentar esclarecimentos. Quando me refiro a chatice, não digo do controle relacionado ao meio ambiente. Digo de regras impostas que prejudicam a população local que vive da pesca e do dinheiro que fazem com seus barcos e muitas vezes se veem obrigados a pagarem licenças caras ou até mesmo passarem em provas para obterem determinadas licenças. Estamos falando de gente simples, que muitas vezes só sabe fazer aquilo para viver e não sabem ler e escrever. Fui informada em um comentário que por causa da época de reprodução das aves o desembarque é proibido em determinadas épocas. Fui fora da época de reprodução e mesmo assim o desembarque estava proibido. Fui num barco a remo como disse, que não prejudica o meio ambiente e me recordo muito bem do pescador desviando o caminho para pegar plastico que foi jogado no mar para que as tartarugas não comam(elas morrem muitas vezes comendo essas coisas). Enfim, acho importante esclarecer, mas igualmente importante informar o que me foi passado. Sugiro que entrem no site avidepa.org.br para maiores informações. E lembrando que eu recomendo visitar as ilhas com consciência, sem que a sua visita prejudique o meio ambiente.

Facebooktwittergoogle_plusmail

lilistahr

Uma capixaba morando em Londres há mais de 11 anos, e apaixonada pela capital britânica. Viciada em viagem, com uma queda por praias paradísiacas e destinos menos óbvios. Escreve todos os posts mas faz o blog junto com o marido, Klaus. Para saber mais sobre, clique no "sobre nós" na barra superior.

10 comentários em “Ilhas Itatiaia em Vila Velha- ES

  • junho 18, 2015 a 2:00 pm
    Permalink

    Foi demais o passeio, amei. Coisa simples, tão ao nosso alcance e a gente viveu tanto tempo sem saber, sem aproveitar. Vamos voltar la outras vezes e tb vamos a Pituan, vou te esperar pra fazer isso juntas, bjs

    Responder
  • junho 18, 2015 a 6:21 pm
    Permalink

    Lindas fotos e achei ótimo o post, principalmente na parte que fala sobre a falta de interesse no turismo. Mas tenho que discordar na parte que vocês falam da “chatice” da capitania dos portos e estimular que as pessoas visitem o local em qq epoca do ano, mesmo sendo proibido. Acho que seria mais interessante se vcs tivessem levatando o pq da proibição do que taxa la simplesmentes de chatice. A proibição da visita neste conjunto de ilhas tem um motivo muito sério. Eles servem de local de nidificação para várias aves marinhas, algumas ameaçadas de extinção, e ainda p algumas é o único lugar do mundo inteiro que elas fazem seus ninhos!!! Portanto se interferimos muito no ambiente podemos afugenta las e elas ficarão sem seu local de nidificação e assim acelerarmos a sua extinção. Devido a isto devemos evitar as visitas a estas ilhas principalmente na epoca de nidificacao que vai de julho a dezembro. O resto do ano não tem problema…desde que seja respeitado o ambiente. Agora da entender a “chatice”?!?!

    Eu gostaria de sugerir que vcs colocassem estas infoa da ilha no texto. Tornaria ele muito mais correto. Se quiserem mais infos é so entrar no site: avidepa.org.br . Eles fazem um.trabalho de recuperação ambiental nestas ilhas.

    Responder
    • junho 19, 2015 a 10:23 am
      Permalink

      Nubia, Já esclareci no Facebook e acrescentei as informações no post. Obrigada pelas informações!

      Responder
  • novembro 20, 2015 a 2:30 pm
    Permalink

    Nossa, amei o seu post! Estou pesquisando sobre como chegar nessa ilha e as suas informações me salvaram! kkkk Moro em Vitória/ES há 22 anos e só há pouco tempo fiquei sabendo da existência dessas ilhas de VV e agora eu preciso conhecer! kkkkk Será que você tem o contato do Robson? Gostaria de ir nesse final de semana! ;D

    beeijos

    Responder
    • novembro 20, 2015 a 6:03 pm
      Permalink

      Brunella,
      O RObson está sempre ali na colonia de pescadores. Ele é marido da baiana. Se você perguntar por ele ali todo mundo conhece!

      Responder
  • janeiro 15, 2016 a 12:25 pm
    Permalink

    eu sempre vou la nadando mesmo, e é tranquilo chegar assim

    Responder
    • fevereiro 23, 2016 a 5:59 pm
      Permalink

      Olha, A Pituã nadando até acho bem tranquilo, mas ir até o boqueirão nadando não é pra qualquer um!

      Responder
  • abril 19, 2016 a 2:40 pm
    Permalink

    Sobre a capitania dos portos liberar, existe o ciclo das andorinhas e, agora por exemplo, algumas ilhas estão fechadas para o desembarque por esse motivo até outubro. Vale a pena se informar e respeitar a natureza. E, mesmo quando estiver liberado, traga seu lixo d volta!

    Responder
    • abril 25, 2016 a 10:49 am
      Permalink

      Priscila, isso está descrito no texto. E sim, também pregamos o respeito à natureza. abs

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *