Natal em Londres- Tradições e fatos natalinos no Reino Unido

Outro dia eu desandei a falar no Snapchat(segue lá, lilianastahr) sobre algumas tradições tipicamente Britânicas e por isso surgiu uma idéia. Por que não falar aqui também sobre isso? Ao longo desses anos vivendo em Londres eu incorporei algumas dessas tradições, aprendi a gostar de outras e continuo não me adaptando a algumas das comidas natalinas,rs. Quer saber um pouco de como é o Natal aqui? Então vem comigo!

Comidas

Eu não sei vocês, mas minhas maiores memórias natalinas são relacionadas à comida! Não tem presente de Natal que supere o pavê de amendoim da minha mãe ou o saplicão do meu marido! Por isso, vamos começar com o que todo mundo ama nessa época(e fora dela).

Christmas Pudding– Essa iguaria é uma sobremesa bem tipica do Natal britânico. Um bolo de frutas com todas as especiarias imagináveis, de sabor super forte. Apesar de bem forte e pesado, o christmas pudding não é seco pois geralmente usam suco com algum alcool para molhar o bolo(brandy ou cerveja). Antes de servir eles jogam brandy em cima e colocam fogo. Depois que o fogo apaga ele é servido com um creme, que aqui se chama custard.

Natal em Londres (6)

Mince pie- É uma torta doce que também é recheada de fruta e também super doce. Ela é a estrela dos escritórios no mês de Dezembro. Sempre tem alguém que compra uma caixinha de mince pies para todo mundo durante o mês! Não há dieta que sobreviva. Pelo menos essa é uma sobremesa que eu passo totalmente.

Couve de Bruxelas– Não sei se essa é uma tradição 100% britânica, mas a couve de Bruxelas é tipo a uva passa no Brasil. Nem todo mundo gosta, mas ela sempre vai aparecer no Natal, quer queira, quer não. Como aqui é muito frio no Natal, eles fazem sempre alguns vegetais para servir com o peru ao invés de salada, e aí entra essa couve aí.

Um varal de cartões com tema: couve de Bruxelas!
Um varal de cartões com tema: couve de Bruxelas!

Cranberry sauce – O molho oficial que companha o peru de Natal é esse. Acho que nos Estados Unidos também é uma tradição. É um molho um pouco doce e ácido feito da frutinha vermelha.

Roast potato– Não dá para dizer que batata assada é uma tradição de lugar nenhum, já que é uma comida reproduzida no mundo todo. Mas batata na terra da rainha é coisa séria, a gente até chama um tipo de batata de batata inglesa, não é? Isso porque o acompanhamento oficial da vida aqui é a batata. E a tal da batata assada no Natal é algo que os britânicos amam e esperam mesmo para comer. Ela é feita com banha de porco para dar aquela crocância deliciosa que só um bom Roast potato britânico tem. Quando eu contei para um amigo inglês que o nosso acompanhamento no Natal é arroz(e farofa) ele disse que seria a decepção do século chegar numa ceia e ver arroz no lugar da amada batata.

Decoração

Existem vários ornamentos usados pelos britânicos, mas nem todos tem origem no Reino Unido. O calendário do advento por exemplo é bem usado, mas é super alemão. Assim como as meias de Natal, que devem ser usadas por metade do mundo, etc Vou tentar listar os que mais representam o Reino Unido, mesmo que sua origem não seja necessariamente aqui.

Varal de cartões– Se existe algo mais britânico, eu desconheço. Aliás, se existe um povo que gosta de mandar cartão e ainda usa o correio ferrenhamente são os britânicos! E nessa época de Natal todo mundo se manda cartão. Então o varal fica pendurado em alguma parte da casa com os cartões de Natal recebidos. Acho fofo mandar cartão, mas depois de alguns natais cheios de cartões de gente com quem eu mal falo durante o ano, resolvi enxugar a lista de cartões para receber menos também,rs.

Christmas crakers – Não é exatamente uma decoração, mas faz parte do cenário natalino daqui. O cracker é um negócio como se fosse um bombom gigante, com um presentinho no meio. Eles ficam nas mesas da ceia ou almoço de Natal(e também aparecem em todas as festas de Natal ao longo de Dezembro). A brincadeira é a seguinte, cada um pega seu cracker, segura na ponta dele, enquanto a pessoa ao seu lado segura a outra ponta. Desse modo, todos na mesa formam uma corrente onde cada um segura a ponta de um cracker. Aí todos, ao mesmo tempo, irão puxar a ponta dos crackers que seguram, e ver quem fica com o presentinho de dentro dele. Independente do presente, todo mundo ganha uma coisa: uma coroa de papel, que deverá ser usada durante a refeição. O presentinhos costumam ser coisas bem bobas como chaveiros, medidor de cozinha,etc. Eu acho divertidíssimo. Veja como funciona nesse post aqui do Pra ver em Londres, onde eles mostram um pouco da nossa ceia de 2013!

Natal em Londres (5)

 

Eventos ao longo do mês

Christmas Carols-  As cantatas natalinas não devem ter uma origem britânica, mas o pessoal aqui curte muito e vai ver em peso. Como eu trabalho na parte mais antiga da cidade, tem uma igreja em cada esquina. E uma das minhas diversões natalinas e de algumas colegas minhas é ver os corais de Natal pela cidade. Quem já frequentou igreja evangélica também já viveu essa tradição. Algumas são meio cansativas, confesso. Mas outras são lindas, e algumas super famosas e cobram até ingresso! Um das mais famosas é a de St Martins in the fields, ao lado da Trafalgar Square. Apesar da euforia natalina já tomar conta da cidade desde Novembro, esse é um tipo de coisa que costuma acontecer depois do dia 10/12 em diante, e tem seu ápice nas apresentações do dia 23 e 24.

Ballet- Final de Novembro, Dezembro todo e início de Janeiro é uma época que pipocam ballets, muitos com temas natalinos. Desde o inicio do ano as vendas já começam para os locais mais tradicionais, e alguns ballets são absolutamente imperdíveis realmente! Eu vou sempre, ainda estou devendo um post completo sobre isso. Mas adianto que os melhores lugares para ver em Londres são o English National Opera e Royal Opera House.

Festas, festas, muitas festas- ok, isso não é uma exclusividade britânica. Em todo país cristão as festas acontecem ao longo de Dezembro. Mas aqui é demais. Eu comparo o Natal na Inglaterra ao carnaval brasileiro. É a unica época que o país realmente para. E porque eles ficam falando e pensando no Natal desde o final de Outubro. “Já é quase Natal” é um frase muito ouvida bem antes de você pensar em comprar seu primeiro presente. Portanto é um tal de festa do trabalho, festa com os amigos, festa com os vizinhos, festa com os amigos da academia, festa com os amigos dos amigos, festa com o departamento, festa dos amigos mais chegados, festa dos amigos que a gente só vê uma vez por ano e por aí vai. As festas não tem fim, e a sua agenda vai estar lotada desde de Novembro, acredite.

No dia de Natal 

A ceia que não é ceia- Aqui não se comemora o Natal na ceia do dia 24 como nós. A festança em família acontece no almoço do dia 25. A comilança toda acontece desde cedo, o que é uma idéia otima né gente? Porque quem merece comer, comer e comer e passar a noite toda comendo, e o dia 25 comendo o resto do 24?

Nossa casinha ano passado, e minha moqueca de Natal feita para as amigas!
Nossa casinha ano passado, e minha moqueca de Natal feita para as amigas!

Nada funciona- Quando eu conto, ninguém acredita. Mas o país todo para dia 25/12. Todo o transporte publico de Londres para nesse dia, inclusive os taxis pretos. Quem precisa se locomover nesse dia, conte em pagar(caro) por um taxi que chamamos de minicab, que é o taxi que não pode parar para qualquer um na rua que levantar a mão, mas pode ser usado mediante reserva, tipo Uber. Supermercados, atrações turisticas, museus, tudo fecha. E isso se estende para vários lugares no dia 26/12. É a unica época “sagrada” aqui, então se vier a turismo esteja ciente disso. Na semana do Natal o transporte costuma funcionar capengamente, mas quem fica hospedado no centro da cidade sente isso menos.

Discurso da rainha- É Brasil, vocês tem o especial de Natal do Rei, e nós temos o especial de Natal da Rainha,rs. A Dona Elizabeth fala todo ano no Natal, quando as familias realmente param para ver o que aquela dona tem a dizer. É brega, é chatinho, mas é tradicional e todo mundo vê. Qual país não tem sua breguice natalina para chamar de sua?

No dia seguinte ao Natal 

Boxing day- O dia 26 de Dezembro é chamado de Boxing day aqui. Pelo que contam a origem vem de antigamente, quando os chefes davam uma caixa aos seus funcionários com algum dinheiro no dia do Natal, como um “bonus”pelo trabalho. E eles naturalmente iam gastar isso no dia seguinte ao Natal, e isso hoje é chamado de Boxing day, que continua sendo um dia de gastar dinheiro. Isso porque a grande promoção do ano acontece nesse dia, em 99% das lojas. Algumas lojas famosas como Harrods ou marcas luxuosas fazem fila na porta desde madrugada. Já fiz um guia de compras do Boxing day neste post(clique aqui). Nesse dia o transporte ainda não está funcionando 100%, mas as linhas principais costumam voltar ao normal, pelo menos quando não tem greve de metro. Trens funcionam precariamente, principalmente para fora da cidade, mas os trens que conectam Londres aos aeroportos costumam funcionar bem. Muita coisa fica fechada nesse dia, principalmente se for final de semana como neste ano. Como no Reino Unido temos poucos feriados, todos os 8 são jogados para segunda feira, independente do dia que caiam, portanto pode ser que alguns lugares estejam fechados até na segunda seguinte, caso Boxing day caia em outro dia.

Natal em Londres (4)

Além disso, tem outras tradições que os britânicos pegaram emprestado como os mercados de Natal, cada vez mais populares por aqui. Tem post sobre alguns mercados de Londres aqui. O povo adora usar  Christmas Jumper, que são aqueles casquetos de Natal horrendos mas super divertidos, tomam vinho quente e cidra quente também. Todo ano o Kew Gardens faz um especial de luz lindo em Londres, tem post aqui sobre também.  Alguns compram arvores de Natal de verdade, enfim, são muitas tradições originadas aqui ou emprestadas de outros países. Se eu esqueci de alguma, me lembrem nos comentários! Eu curto muito o Natal e toda a breguice que o envolve! Por isso amo tanto passar essa época aqui, tudo respira festa natalina, é muito gostoso acompanhar e participar. E vocês, tem alguma tradição natalina legal para contar de onde moram?

 

Facebooktwittergoogle_plusmail

lilistahr

Uma capixaba morando em Londres há mais de 12 anos, e apaixonada pela capital britânica. Viciada em viagem, com uma queda por praias paradísiacas e destinos menos óbvios. Para saber mais clique no “sobre” e escolha “sobre mim” na barra superior.

9 comentários em “Natal em Londres- Tradições e fatos natalinos no Reino Unido

  • dezembro 3, 2015 a 10:48 am
    Permalink

    Adorei o post, Lili! To curtindo meu primeiro Natal aqui tb!! 🙂

    Responder
    • dezembro 3, 2015 a 4:31 pm
      Permalink

      Pois é Lia, uma delicia né? Falando nisso a gente precisa organizar um encontro natalino, que tal? bjs

      Responder
  • dezembro 3, 2015 a 1:13 pm
    Permalink

    Oi Lili, muito legal seu post, bem escrito e bem humorado. Otimo. Parabens .

    Responder
    • dezembro 3, 2015 a 4:31 pm
      Permalink

      Obrigada, Kátia. Que bom que você gostou 🙂

      Responder
  • dezembro 15, 2016 a 9:50 pm
    Permalink

    Adorei a Receita do Pudding. Meu filho é chef de cozinha em San Maurício na Suiça. Adoro receitas. Obrigada.

    Responder
    • dezembro 16, 2016 a 4:30 pm
      Permalink

      Bacana, Angela!

      Responder
  • Março 27, 2017 a 2:31 pm
    Permalink

    “Couve de Bruxelas– Não sei se essa é uma tradição 100% britânica, mas a couve de Bruxelas é tipo a uva passa no Brasil. Nem todo mundo gosta, mas ela sempre vai aparecer no Natal, quer queira, quer não.”

    Pensa na melhor referencia/explicação possível? hahahaha

    Estou planejando minha ida a Londres em Novembro e seu blog tem sido mto legal de ler! Mto legal!

    Obrigado pelos relatos e parabéns pelo ótimo trabalho!!

    Responder
    • Maio 10, 2017 a 2:32 pm
      Permalink

      Luiz, que bom ler isso! Espero que voce curta bastante Londres!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *