Coqueiral de Aracruz e Rio Piraqueaçu/ES

Sou capixaba e vou aproveitar para promover um pouco da cultura do meu estado, tao esquecido pelo restante do Brasil.

Todo vez que vou ao Brasil, apesar de me sentir naturalmente em casa, encaro alguns dias como turista. É sempre bom enxergar com olhos de fora o nosso lugar. E quando vou a Vitória tenho uma alegria imensa de ver que a minha cidade é muito mais bonita do que eu via antes e muito triste porque ela tem uma estrutura turistica muito pior do que eu pensava.

Mas isso nem vem muito ao caso. Esse bla bla bla todo eh só para você que nao é capixaba ficar tranquilo, é normal nunca ter ouvido sobre muita coisa sobre do Espirito Santo que de vez em quando vou falar sobre aqui.

E o Rio Piraqueaçu é uma jóia capixaba que inacreditávelmente é pouco conhecida. O seu manguezal é um dos maiores da América Latina! Esta é uma região que já conhecia relativamente bem, mas  da penultima vez que fui ao Brasil fiz questão de ir lá com a familia.

Esse é um ótimo bate e volta de Vitoria. Aracruz fica a pouco mais de 1 hora da capital. Fomos lá para fazermos o passeio de escuna pelo rio, que teoricamente sai todos os dias as 10 da manhã na alta temporada e fora da alta é preciso ligar para confirmar se haverá o minimo exigido para que o barco saia. Na prática eu ligaria para confirmar em qualquer ocasião. Porque apesar de ter potencial, esta área só é mesmo explorada pelas pessoas da região, que na maioria das vezes já tem uma outra maneira de navegar pelo rio. Fui em Março e mesmo ligando para a companhia da escuna eles disseram que não daria para prometer nada. O mínimo para o passeio acontecer são 12 pessoas. Estávamos em 8 e eu queria tanto ir que arriscamos. E em pleno sábado de muito calor não tinha uma viva alma além de nós para fazer o passeio.Como a fome apertou muito, resolvemos dar um tempo para ver se alguem apareceria comendo uma moqueca capixaba da melhor qualidade no Mocambo, um restaurante especializado em peixes e frutos do mar que fica bem em frente ao rio.

 

E com os preços das moquecas pela hora da morte, o Mucama até que não é dos mais caros e faz uma comida capixaba de respeito! No fim ninguém chegou. Então negociamos o preço e fomos os 6. Não lembro os valores exatos, mas acho que o preço normal era algo em torno de 15 reais por pessoa. O passeio não é muito longo, mas é bacana! Eles param num bar flutuante no meio do rio. O bar estava fechado quando fomos, mas é ali mesmo que a gente mergulha e aproveita um pouco.

O Rio piraqueaçu é excelente para Ski aquático e de uma outra vez que fui meus amigos passaram horas se divertindo.Mas eu que não sou muito radical prefiro admirar a paisagem!

A nossa escuna, que disso mesmo passa longe! Tá mais para barco de pesca.

No final da tarde, vá assistir o pôr-do-sol na praia de Coqueiral de Aracruz, uma praia que não tem agua azul e que você tem que andar muito para conseguir dar um mergulho por conta da maré baixa, mas vale a pena conhecer pois seus coqueiros e a tranquilidade(pelo menos neste horário) fazem desse lugar uma parada obrigatória na volta do seu passeio.

Para o passeio pelo rio Piraqueaçu o telefone é (0xx27 3250.6207)

O ponto de encontro é no restaurante Mocambo.

A cidade é minuscula e é tudo muito fácil de ser encontrado. Na dúvida, é só perguntar, todo mundo vai saber onde fica o Mocambo, o Rio e a praia. Fomos de carro mas dá para ir de ônibus para lá. De Vitória saem muitos por dia. A maioria sai da rodoviária da capital mas você pode pegar em diferentes pontos.

Facebooktwittergoogle_plusmail

lilistahr

Uma capixaba morando em Londres há mais de 12 anos, e apaixonada pela capital britânica. Viciada em viagem, com uma queda por praias paradísiacas e destinos menos óbvios. Para saber mais clique no “sobre” e escolha “sobre mim” na barra superior.

6 comentários em “Coqueiral de Aracruz e Rio Piraqueaçu/ES

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *